Simone Tebet pode ser a primeira mulher a presidir o Senado Federal

Janeiro 13, 20219:21 am

O MDB decidiu ontem (12) escolher Simone Tebet (MS) para ser candidata a presidente do Senado. A parlamentar é a atual presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado e foi líder do MDB na Casa no ano de 2018. Ela já tentou concorrer à presidência em 2019, mas foi preterida em favor de Renan Calheiros (AL).
Se vencer, vai ser a primeira mulher a presidir o Senado. Em seu discurso, a senadora do Mato Grosso do Sul pregou independência do governo federal. O seu principal concorrente é Rodrigo Pacheco (DEM-MG), apoiado pelo presidente Jair Bolsonaro.

O anúncio da candidatura aconteceu após a recepção de dois novos filiados à bancada do MDB no Senado. Rose de Freitas (ES) e Veneziano Vital do Rego (PB) aumentam a bancada do partido de 13 para 15 senadores.

Simone tem reunião hoje (13) com a bancada do Podemos (10 senadores). O candidato do DEM, Rodrigo Pacheco, tem o apoio do PSD, PT, Pros, Republicanos, PL e PSC (32 senadores). Se conseguir os apoios almejados do Podemos e do PSDB (7 senadores), Simone teria um bloco de 32 senadores.

O anúncio da candidatura de Simone foi feito pelo líder do MDB, Eduardo Braga, que leu uma nota oficial do partido.

NOTA OFICIAL MDDB

A Bancada do MDB no Senado Federal reafirma sua responsabilidade para com a condução equilibrada da pauta legislativa no atual cenário político, social e econômico, quando o país ainda sofre o impacto avassalador da pandemia do novo coronavírus. \

A independência no comando do Legislativo é de fundamental importância nesse período de crise, em que o interesse público precisa estar acima de qualquer disputa ideológica e política na reconstrução da economia e na imunização universal e gratuita contra a covid-19.

É nesse cenário que a Bancada do MDB, com o maior número de parlamentares no Senado Federal, reafirma sua unidade em torno da candidatura da senadora Simone Tebet (MS) para a Presidência da Casa, na eleição do próximo dia 1º de fevereiro. A candidatura de Simone Tebet, que sempre primou por uma postura política independente e corajosa, é também uma manifestação do enorme respeito do MDB por todas as mulheres, que têm conquistado avanços significativos no Congresso Nacional e no Brasil, em diversas áreas.

Tanto vale destacar que esta é a primeira vez, na história do país, em que uma grande bancada apresenta uma mulher como candidata ao comando do Senado Federal e do Congresso Nacional.

Reafirmamos, também, o compromisso do MDB com a responsabilidade fiscal e social, com uma agenda de reformas estruturais urgentes, com a sustentabilidade ambiental, a redução das desigualdades sociais, a adoção de políticas capazes de frear o desemprego e alavancar a economia, além de um amplo programa nacional de imunização contra a covid-19.

Brasília, 12 de janeiro de 2021.

BANCADA DO MDB NO SENADO FEDERAL

 

Fonte: Congresso em Foco

Tags:
COMPARTILHAR:

Comentários

comentários